Jump to content

claudiojuniorfabiao

Members
  • Content count

    10
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

0 Comum

About claudiojuniorfabiao

  • Birthday 10/18/1999

Informações Pessoais

  • Sexo
    Masculino
  • Localização
    Rio de Janeiro

Contato

  1. claudiojuniorfabiao

    Arquitetura para API REST

    Olá, pessoal! Estou planejando criar uma API RESTful, que retorna conteúdo somente em JSON e executa algumas tarefas de CRUD em entidades do meu domínio, para ser consumida por um cliente HTML usando AngularJS, mas estou com algumas dúvidas. Antes, quando estava recuperando todo o HTML do servidor, minha aplicação estava estruturada segundo à arquitetura MVC, todavia, agora, não sei se é proveitoso usar essa arquitetura na minha API. Se alguém tiver uma opinião de porquê usar ou não MVC, ou outra arquitetura e/ou exemplos de implementação, será de grande ajuda. Desde já obrigado.
  2. claudiojuniorfabiao

    Ações especiais em API Restful

    É, não tinha pensado assim, mas na verdade sim, vou estar comunicando com a API do Sefaz no caso. Para gerar a nota, então criar faz parte sim.
  3. claudiojuniorfabiao

    Ações especiais em API Restful

    Fala, galera! Qual tipo de requisição HTTP (HTTP Verbs) eu deveria usar para solicitar a emissão de uma nota fiscal para a API Rest no meu aplicativo PHP (arquitetura MVC) rodando no servidor? Digo, é fácil criar uma aplicação Restful, quando se tem apenas tarefas de CRUD básico, mas quando se deseja executar tarefas diferentes das tradicionais? Estou aprendendo agora sobre padrões, arquitetura de software e, sobretudo, APIs Rest, mas conheço bem o PHP e OOP, quer dizer, sou fluente na linguagem. Agradeço desde já a ajuda de todos! ;)
  4. claudiojuniorfabiao

    Diferença entre DAO e ORM

    Ah, valeu mesmo, cara! Isso realmente me ajudou muito, eram exatamente as informações que eu estava precisando. Novamente, muito obrigado!
  5. claudiojuniorfabiao

    Diferença entre DAO e ORM

    Olá, Gabriel! Muito obrigada pela sua explicação bem detalhada sobre o tema, isso me ajudou muito. Fazendo mais duas pergunta, se me permite: Implementando em sua totalidade o padrão DataMapper, conforme descrito por Fowler, para realizar a conversão dos tipos relacional-objeto, eu estou, de algum modo, fazendo uso da técnica ORM, certo? No DataMapper, eu implementaria o padrão DAO como uma camada mais baixa (o que me parece redundante numa aplicação pequena), ou o próprio padrão dispensa essa necessidade ao já estabelecer essa separação entre modelo de domínio/persistência de dados? Agradeço imensamente suas respostas!
  6. claudiojuniorfabiao

    Diferença entre DAO e ORM

    Fala, galera! Indo direto ao ponto, qual a diferença entre o padrão de software DAO e um ORM? Em minha ignorância, me parecem conceitos semelhantes, sendo o DAO simplesmente algo mais abstrato, então, de certa forma, me parece que todo ORM está implementando um DAO de qualquer maneira, uma vez que (sendo um DataMapper), separa a lógica de domínio, da lógica de acesso aos dados. Agradeço desde já a contribuição com os meus estudos.
  7. claudiojuniorfabiao

    Abstração de classes

    Ah, agradeço suas sugestões! Bem, conheço e já usei alguns destes frameworks em alguns sistemas aos quais prestei manutenção, ou implementei novas funcionalidades, mas como tenho estudado sobre modelagem de dados e tentado sair daquele ciclo de "aprende/executa", entendendo realmente o quê e porquê estou implementando algo de determinada maneira, me surgiu essa dúvida. Conheço alguns destes padrões de projeto que você citou, outros não, estou estudando sobre eles ainda, checando a melhor abordagem, até porque, divido o tempo entre estudar e aplicar o que estudei, numa empresa em que eu sou o responsável pelo T.I; é difícil. Agradeço muito pelo link e pelos conselhos, já usei o Zend, o CodeIgniter, o Cake, mas nunca testei o Laravel, acho que é um bom momento para aprender ainda mais. Novamente, muito obrigado!
  8. claudiojuniorfabiao

    Abstração de classes

    Oi, Kononome, tudo bem? Rapaz, nesse tempo que estava esperando algumas respostas no tópico acabei me atentando para o DAO, e que ele supria essa minha necessidade, mas estava esperando alguém mais experiente no assunto para me dar um parecer aqui. Nesse caso, acho que vou separar assim (que é o que me parece o certo à se fazer): ações em tempo de execução sobre uma entidade serão executadas através de suas respectivas classes (Cliente, Funcionario), já a parte de persistência dos dados vou deixar com as classes DAO (ClienteDAO, FuncionarioDAO). Como eu disse, programo em PHP há um tempo, mas minhas noções de OOP e padrões de projeto de software só começaram a fluir agora, acho que é uma transição natural. Enfim, se alguém tiver algo a acrescentar à esta discussão, como exemplos ou links, serei grato. Obrigado, Kononome!
  9. claudiojuniorfabiao

    Abstração de classes

    Oi, quimera, obrigado pelo seu post! Bem, então, implementar níveis de permissões eu consigo fazer bem, vou introduzir um conceito de papéis e capacidades parecidas com o do WordPress, é bem flexível para mim. Minha dúvida é mais sobre a questão organizacional e metódica do desenvolvimento mesmo, tenho lido sobre OOP, UML, padrões de projeto, enfim, quero uma aplicação mais padronizada...
  10. claudiojuniorfabiao

    Abstração de classes

    Oi, galera! Bem, acredito estar postando na área certa, apesar de isso também estar relacionado com a estrutura da aplicação e não necessariamente PHP. É o seguinte, estou criando uma aplicação orientada a objetos; nela preciso de algumas funções comuns como cadastro de clientes, cadastro de funcionários, alguns produtos cadastrados, é básico, nada difícil de fazer do ponto de vista de um programador: conheço a sintaxe e sei trabalhar legal com a linguagem, mas minha dúvida é sobre a divisão das responsabilidades entre os tipos de objetos. Por exemplo, no cadastro de um novo cliente, quem está executando esta ação é um funcionário no sistema, mas quem deve ser o responsável pelo método? Ele deve ser parte da classe do funcionário, ou do cliente? Se for na classe "funcionário", seria algo como "cadastrarCliente", mas se for na classe do cliente (o que eu jugo mais correto, pelo princípio de responsabilidade única), seria como? Desde já agradeço qualquer luz que possam me dar sobre o assunto.
×

Important Information

Ao usar o fórum, você concorda com nossos Terms of Use.