Ir para conteúdo

Pesquisar na Comunidade

Mostrando resultados para as tags ''vagrant''.

  • Pesquisar por Tags

    Digite tags separadas por vírgulas
  • Pesquisar por Autor

Tipo de Conteúdo


Todas as áreas do Fórum

  • Q&A Desenvolvimento
    • Perguntas e respostas rápidas
  • Desenvolvimento e Banco de Dados
    • HTML e CSS
    • Java
    • Javascript
    • .NET
    • PHP
    • Python
    • Ruby
    • Mobile
    • Ambientes de Desenvolvimento
    • Arquitetura e Métodos Ágeis
    • Banco de Dados
    • DevOps
    • Desenvolvimento de Games
    • E-Commerce e Pagamentos Online
    • SEO e Otimizações
    • WordPress
    • Algoritmos & Outras Tecnologias
  • Design e Produto
    • Fotografia
    • Photoshop
    • Design de interfaces e UX
    • Edição/Produção de Vídeos
    • Marketing Online
    • Desenho, Ilustração e 3D
  • Entretenimento e uso pessoal
    • Geral
    • Segurança & Malwares
    • Gadgets e wearable
    • Softwares e Apps
    • Entretenimento

Encontrar resultados em...

Encontrar resultados que...


Data de Criação

  • Início

    FIM


Data de Atualização

  • Início

    FIM


Filtrar pelo número de...

Data de Registro

  • Início

    FIM


Grupo


Google+


Hangouts


Skype


Twitter


deviantART


Github


Flickr


LinkedIn


Pinterest


Facebook


Site Pessoal


Localização


Interesses

Encontrado 5 registros

  1. Anderson Modolon

    Virtualizar ambiente de desenvolvimento (Virtual Box ou Vagrant)

    É interessante ter o ambiente de desenvolvimento virtualizado (vamos supor, com o Virtual Box ou Vagrant) ou ter tudo instalado na máquina na forma "tradicional"? Alguém utiliza ambiente de desenvolvimento virtualizado?
  2. antonio_milat

    Arquivos desaparecendo - Vagrant

    Comecei a utilizar o Vagrant para desenvolvimento PHP, mas já é a segunda vez que quando inicio o servidor pelo comando 'vagrant up' a pasta em que estão meus projetos (/var/www/html) desaparece. Estou utilizando Ubuntu 14 e Laravel 5.2 neste servidor e antes de desligar o pc rodo o comando 'vagrant halt' para desligar o servidor. Alguém já passou por isso ou tem alguma ideia do que possa estar acontecendo? Obs: Já tentei a solução do link abaixo mas não funcionou. http://www.mateuspaduaweb.com.br/o-que-fazer-se-sua-instanciavm-do-vagrant-desaparecer-ou-travar/
  3. PedroLazari

    Configurando um servidor vagrant

    Olá Pessoal, boa noite! Eu estou iniciando meus trabalhos com vagrant, no windows, infelizmente. Eu configurei todo o vagrant, mas eu não sei como fazer aquela sincronização entre a minha pasta local e a pasta do vagrant, alguem pode me ajudar com isso? Eu vi que tem como fazer criando um htdocs na mesma pasta onde eu faço o vagrant up, mas não deu certo. Aproveitando o tópico, algum tutorial para fazer isso com Docker? Obrigado a todos que puderem ajudar!
  4. _hoffmann

    Vagrant com PHP

    Fala pessoal, tudo tranquilo ? Estou tentenando configurar uma máquina virtual utilizando Vagrant e Virtualbox, consegui tranquilo instalar a Vm, o php, mysql, etc... Mais me veio umas dúvidas, tenho seguinte pasta compartilha: config.vm.synced_folder "C:/Projects/startup/www", "/var/www", id: "vagrant-root" A dúvida é, estou utilizando ZF2, os meus código e meu Framework teria que fica todos dentro da pasta "WWW" ?
  5. Bruno Ferreira da Silva

    Erro no Mysql

    Estou usando VirtualBox + vagrant como para rodar o ambiente virtual para utilização do Laravel 5.1, e estou em aprendizado. O erro é quando executo o comando abaixo: php artisan migrate o erro é esse: [PDOException] SQLSTATE[HY000] [2006] MySQL server has gone away [ErrorException] PDO::__construct(): MySQL server has gone away to achando que o problema é no arquivo my.cnf no arquivo my.cnf: # # The MySQL database server configuration file. # # You can copy this to one of: # - "/etc/mysql/my.cnf" to set global options, # - "~/.my.cnf" to set user-specific options. # # One can use all long options that the program supports. # Run program with --help to get a list of available options and with # --print-defaults to see which it would actually understand and use. # # For explanations see # http://dev.mysql.com/doc/mysql/en/server-system-variables.html # This will be passed to all mysql clients # It has been reported that passwords should be enclosed with ticks/quotes # escpecially if they contain "#" chars... # Remember to edit /etc/mysql/debian.cnf when changing the socket location. [client] port = 3306 socket = /var/run/mysqld/mysqld.sock # Here is entries for some specific programs # The following values assume you have at least 32M ram # This was formally known as [safe_mysqld]. Both versions are currently parsed. [mysqld_safe] socket = /var/run/mysqld/mysqld.sock nice = 0 [mysqld] # # * Basic Settings # # # * IMPORTANT # If you make changes to these settings and your system uses apparmor, you may # also need to also adjust /etc/apparmor.d/usr.sbin.mysqld. # user = mysql socket = /var/run/mysqld/mysqld.sock port = 3306 basedir = /usr datadir = /var/lib/mysql tmpdir = /tmp skip-external-locking # # Instead of skip-networking the default is now to listen only on # localhost which is more compatible and is not less secure. bind-address = 127.0.0.1 # # * Fine Tuning # key_buffer = 16M max_allowed_packet = 2M thread_stack = 192K thread_cache_size = 8 # This replaces the startup script and checks MyISAM tables if needed # the first time they are touched myisam-recover = BACKUP #max_connections = 100 #table_cache = 64 #thread_concurrency = 10 # # * Query Cache Configuration # query_cache_limit = 1M query_cache_size = 16M # # * Logging and Replication # # Both location gets rotated by the cronjob. # Be aware that this log type is a performance killer. # As of 5.1 you can enable the log at runtime! #general_log_file = /var/log/mysql/mysql.log #general_log = 1 log_error = /var/log/mysql/error.log # Here you can see queries with especially long duration #log_slow_queries = /var/log/mysql/mysql-slow.log #long_query_time = 2 #log-queries-not-using-indexes # # The following can be used as easy to replay backup logs or for replication. # note: if you are setting up a replication slave, see README.Debian about # other settings you may need to change. #server-id = 1 #log_bin = /var/log/mysql/mysql-bin.log expire_logs_days = 10 max_binlog_size = 100M #binlog_do_db = include_database_name #binlog_ignore_db = include_database_name # # * InnoDB # # InnoDB is enabled by default with a 10MB datafile in /var/lib/mysql/. # Read the manual for more InnoDB related options. There are many! # # * Security Features # # Read the manual, too, if you want chroot! # chroot = /var/lib/mysql/ # # For generating SSL certificates I recommend the OpenSSL GUI "tinyca". # # ssl-ca=/etc/mysql/cacert.pem # ssl-cert=/etc/mysql/server-cert.pem # ssl-key=/etc/mysql/server-key.pem [mysqldump] quick quote-names max_allowed_packet = 16M [mysql] #no-auto-rehash # faster start of mysql but no tab completition [isamchk] key_buffer = 16M # # * IMPORTANT: Additional settings that can override those from this file! # The files must end with '.cnf', otherwise they'll be ignored. # !includedir /etc/mysql/conf.d/
×

Informação importante

Ao usar o fórum, você concorda com nossos Termos e condições.