Ir para conteúdo
Entre para seguir isso  
philpinon

MarketPlace - Dúvida

Recommended Posts

Boa tarde Senhores,

Sou novato na área de tecnologia, mas, recentemente surgiu uma oportunidade de negócio, ainda não comentei com pessoas do meu circulo, até mesmo por não saber se a mesma é viável ou não.
Serei bastante sucinto.
Trabalho e sou sócio de um Shopping recém aberto, com cerca de 500 lojas, todas com perfil para classe B, C e D, com tamanhos médios de 7m2, a maioria dos lojistas são empresários individuais e vendem de tudo. Uma diversidade muito grande. São milhares de milhares de itens.
O Shopping não possui site, o Instagram e o Facebook são pessimamente controlados.
A minha dúvida seria sobre a viabilidade técnica e mercadológica, na opinião de vocês, sobre a criação de um site para o Shopping, onde neste site houvessem todos os produtos ofertados pelo shopping, criando um MarketPlace, onde o cliente pudesse realizar estas compras online, efetuar o pagamento e combinar o frete. Tudo isso segmentado por filtros(Preço, atividade, Popularidade), e cada loja também teria sua área privada dentro do site, para dar upload em seus itens por exemplo. O cliente também poderia navegar de loja em loja para assim ver os estoques. Um shopping que já esta começando este trabalho no Brasil é o www.shoppingoi.com.br .
O shopping seria um mero intermediador de vendas, podendo assim gerar receita através desse intermédio, assim como também vender espaços para publicidade dentro de seu site.
Desde já muito obrigado.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O seu primeiro passo seria verificar se os logistas do shopping estarão dispostos a aderir à ferramenta, bem como se os clientes habituais do estabelecimento físico também estariam dispostos a interagir por este novo canal. Após isto você teria que ver se o preço que os logistas praticariam via plataforma seriam condizentes com o que é praticado nos concorrentes diretos.

Isso dai é apenas a ponta do iceberg, mas já te dá uma ideia para saber se vale ou não a pena por em prática o plano.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Claro, com certeza.

Em início das pesquisas a receptividade dos lojistas foi excelente, ate mesmo porque o shopping não tem site ainda, o MarketPlace seria o próprio site do shopping, nenhum lojista perderia nada em aderir. Como tenho relacionamento muito próximo aos mesmos facilitaria ainda mais.

A proposta do Shopping é exatamente o preço das mercadorias, já que as lojas são pequenas e a maioria dos lojistas compram direto de atacadistas de fora.

Minha incerteza se dá pelo perfil do cliente, de classe B, C e D, no que se refere aos hábitos de consumo e qual seria sua motivação em comprar pelo site. Tendo em mente também que, com um site, competiríamos com todo mercado local de Salvador, não só em nosso espaço físico.

O cliente poderia realizar a compra de dezenas de itens, desde jardinagem até cosméticos num mesmo site e pagar um único frete ou retirando no SAC do shopping. Se pensarmos em 500 lojas, cada loja com 50 produtos, são 50.000 produtos a venda. Estou relatando isso pois estou tendencioso a tocar esse projeto, e como há varias pessoas com expertise aqui poderia haver pessoas que ja realizaram algo similar. :)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O que a maioria das pessoas busca é preço e comodidade, se o seu foco é o mercado local, um diferencial seria oferecer a entrega no mesmo dia, claro que neste caso você terá que ser responsável pela logística (motoboy, carro, etc), como são 500 lojas, dá pra diluir isso no médio prazo ou terceirizar. Para uma "motivação" inicial você poderia oferecer o primeiro frete como "grátis" e garantir a entrega no mesmo dia, claro, se você é empresário sabe que só se ganha dinheiro gastando dinheiro, então isso faz parte.

Outro ponto, uma coisa é a animação dos logistas, outra coisa é a pessoa sentar na frente do PC, criar uma descrição, tirar fotos, etc, isso é um trabalho extremamente maçante e que acaba desanimando mesmo as pessoas.

Por último tem a questão da publicidade, como você irá impactar as pessoas para que elas queiram usar o marketplace, esse é o ponto chave hoje em dia. O que você tem de vantagem real é a quantidade de pessoas para dar o pontapé inicial, se a maioria aceitar, você já sai bem na frente mesmo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Concordo, como todo negócio há etapas a serem vencidas. A questão do cadastro de produtos, e manutenção atualizada destes cadastros realmente é trabalhosa demais. Quanto a publicidade destinaríamos uma verba para o marketing digital do site.

O que me chama atenção, ainda não sei se, positivamente ou negativamente, é que não há sites nesse perfil de "MarketPlace local" no Brasil, pelo menos até onde eu já pesquisei. O único que achei é o www.shoppingoi.com.br, mas mesmo assim o trabalho esta aquém do que imagino, poucos produtos, site desatualizado e layout não muito convidativo.

Hoje o shopping funciona com 150 lojas somente, pois a abertura foi há 4 meses, mas a previsão é atingir 350 ate meados do ano que vem.

Agradeço pela visão até o momento, é um pouco difícil ter esse feedback até onde vim pesquisando.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O que me chama atenção, ainda não sei se, positivamente ou negativamente, é que não há sites nesse perfil de "MarketPlace local" no Brasil, pelo menos até onde eu já pesquisei. O único que achei é o www.shoppingoi.com.br, mas mesmo assim o trabalho esta aquém do que imagino, poucos produtos, site desatualizado e layout não muito convidativo.

O que ocorre é que as pessoas entendem que a internet serve para venda de produtos para pessoas que não podem ir até o estabelecimento físico, ou seja, outras cidades/estados. Poucas pessoas entendem que além disto, você pode vender para pessoas na mesma cidade, garantindo uma maior comodidade para o cliente. Em geral quem tem essa visão de mercado são pessoas de nicho, como por exemplo, lojas de flores ou salgadinhos para festas, mas ainda muito restrito a coisas perecíveis.

  • +1 1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×

Informação importante

Ao usar o fórum, você concorda com nossos Termos e condições.