Jump to content

Aleksandr Kopelevich

Members
  • Content count

    29
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

4 Comum

2 Followers

About Aleksandr Kopelevich

  • Birthday 08/10/1985

Informações Pessoais

  • Sexo
    Masculino
  • Localização
    São Petersburgo, Rússia
  • Interesses
    Web development.

Contato

  1. Como eu trabalho de forma remota há uns 18+ anos, achei que estava na hora de contribuir um pouco, compartilhando minhas experiências. Escrevi um post no meu blog, sobre a iniciativa do trabalho remoto dentro de uma empresa "convencional". É uma introdução para que possamos pensar sobre o papel dos líderes e gestores na cultura do trabalho remoto. O artigo foi publicado aqui: https://www.akop.com.br/posts/cultura-do-trabalho-remoto-12, mas segue na íntegra nesse post ---- Recentemente li um artigo que aborda as vantagens e práticas do trabalho remoto. Logo a primeira frase me deixou preocupado com o restante do conteúdo: "se você quer ser um profissional remoto, talvez precise convencer seu chefe". Você provavelmente já trabalhou numa empresa que não possui a cultura do trabalho remoto. Mas já trabalhou de forma remota, numa empresa que não possui tal cultura? Como deve ter imaginado, boa coisa não sai disso. Se você teve de convencer a gestão sobre as necessidades de trabalho remoto por um motivo A, B ou C, isso não muda magicamente a mentalidade e muito menos a cultura da empresa. Os funcionários que trabalham remotamente, numa equipe com padrão de trabalho tradicional (in loco), acabam se isolando numa ilha que fica cada vez mais distante com o tempo. Isso acontece por alguns motivos: Comunicação A comunicação da equipe, tende a continuar seguindo o padrão in loco: reuniões presenciais 2/3/4x ao dia interrupções constantes para tratar de assuntos sem urgência usam ferramentas de chat (slack / whatsapp / rocket.chat) de forma indiscriminada se você fica "ausente" na ferramenta de chat, significa que não está trabalho Para haver uma mudança e realmente permitir a flexibilidade no trabalho remoto, cada membro da equipe deve ter a liberdade de escolher seus horários de trabalho. Datas e horários específicos podem ser combinados, mas não pode-se manter o status de "sempre disponível", a menos que seja um cargo que exija isso – o que é exceção e não a regra. Distribuição das tarefas A forma como a distribuição de tarefas funciona na maior parte das empresas é a seguinte: numa reunião, o gestor fala sobre a tarefa, os presentes anotam tudo, estipulam datas e partem para a execução. Nem vou entrar no mérito do quão incompleta é esta abordagem, visto que a gestão "lava as mãos" no caso de má interpretação por parte dos funcionários ou no caso de pobreza de detalhes dada pela própria gestão. Ocorre que numa dinâmica de trabalho remoto, isso se agrava muito. As tarefas são passadas de forma resumida por e-mail ou, pior ainda, por mensagens instantâneas como Slack, WhatsApp e afins. Se na forma tradicional, ainda é possível tirar dúvidas pessoalmente, na forma remota isso fica mais difícil pois os gestores estão sempre muito ocupados (...). Este é um texto introdutório, e não vou entrar em detalhes. Mas a solução é relativamente simples: é preciso criar um lugar central, onde as tarefas são dadas e minuciosamente documentadas caso o escopo for alterado, o gestor deve poder fazer as alterações neste documento e isso deve ser automaticamente avisado aos envolvidos na tarefa as dúvidas devem ser tiradas dentro deste documento, com uma ferramenta de mensagens assíncronas (o oposto de mensagens instantâneas), como um fórum Bunda na cadeira Num ambiente predominantemente presencial, a mentalidade é: só trabalha quem é visto sentado na cadeira. Então, mesmo que inconscientemente, até mesmo seus colegas vão medir sua produtividade pela "hora/bunda na cadeira". Mesmo se você tive muito mais produtividade que seus pares, a percepção não vai mudar a menos que a cultura mude. E essa cultura muda partindo da gestão. Você pode falar: "Claro que não! Nós, os funcionários devemos dar ideias, exemplos e incentivar as mudanças". Claro que sim. Mas no final das contas, acatar isso e fazer com que a coisa funcione, deve partir da gestão. São eles que ditam o ritmo de uma equipe. A partir do momento que a gestão não se importar com o horário exato de saída, entrada e tempo de bunda na cadeira, a equipe também irá se acostumar com isso. Conclusão Meu objetivo com este artigo é introduzir alguns conceitos de trabalho remoto e apontar um detalhe que a maioria dos experts ignora em suas aulas e textos: os funcionários podem adotar N técnicas de concentração e produtividade, mas se a cultura/ambiente da empresa não for adaptada ao trabalho à distância, nada disso terá efeito. E a culpa cairá obviamente nos funcionários e na suposta falta de capacidade de se adaptar ao trabalho remoto. E quem deve fazer um trabalho de conscientização e promover a adoção do novo método de trabalho são os gestores e líderes das equipes. Se você estiver em busca de uma vaga de trabalho remoto, da uma olhada nas vagas do akop.com.br
  2. Fala pessoal! Hoje eu queria compartilhar com você um modelo de orçamento bem simples, mas direto. Nós, de TI sempre fazemos uns freelas aqui e ali, então é bacana termos um modelinho profissional e clean para mandar aos nossos clientes. Da uma olhada no modelo aqui: https://blog.akop.com.br/modelo-orcamento-prestacao-servicos-word-excel/ Esse modelo é grátis, mas no final do post incluí um modelo profissional em Excel. Ele possui muitas ferramentas extra, se você envia orçamentos (propostas) com frequencia.
  3. No Brasil, não costumamos escrever cartas de apresentação quando enviamos nosso CV para uma vaga de emprego. Você sabia que pode se destacar muito, somente com uma carta de apresentação personalizada? A explicação é muito simples: os recrutadores verão que você se esforçou minimamente para aquela empresa / vaga em específico. Eles verão que você possui proatividade e isso por si só, é um grande diferencial num mercado cheio de formações e capacidades técnicas parecidas. Fiz um vídeo explicando rapidamente como e porque criar uma carta de apresentação. Também criei um modelo de carta de apresentação para você baixar. Vídeo no YouTube:
  4. Fala pessoal, hoje eu quero dar um exemplo de análise SWOT pessoal (não é a tradicional matriz SWOT para empresas). O conceito é parecido, mas o ator principal não é uma empresa/organização: é você mesmo. Mais precisamente, sua carreira. Aqui eu fiz um exemplo de uma matriz SWOT de um Designer, mas poderia ser qualquer área de atuação: trengths (Forças) Rápido aprendizado de novas ferramentas Ótima comunicação e relacionamento interpessoal Atenção aos detalhes [W]eaknesses (Fraquezas) Perfeccionista ao extremo (prejudica a entrega do trabalho nos prazos combinados) Pouco conhecimento com programação front-end Não domino inglês [O]pportunities (Oportunidades) Empregos fora do país (alta demanda de mão-de-obra para front-enders na Europa) Possibilidade de criar uma agência digital com um parceiro de negócios [T]hreats (Ameaças) Pouco tempo para aprender programação front-end Risco em assumir o compromisso de empreender Risco de ser demitido, visto que a empresa onde estou empregado hoje, demite frequentemente o pessoal da criação e de TI Explico como proceder e como fazer um plano de ação, baseado nesta análise: https://blog.akop.com.br/como-fazer-uma-analise-swot-pessoal-modelo-para-preencher/
  5. Aleksandr Kopelevich

    Não se esqueça do cliente

    Fala pessoal! Eu estou desenvolvendo um novo projeto na empresa, e novamente me deparei com um problema grave: falta de comunicação com o cliente durante o andar do desenvolvimento. Decidi escrever esse rápido artigo para deixar o lembrete de sempre consultar o cliente em ciclos fixos. O link do artigo: https://www.akop.com.br/posts/gestao-de-projetos-nada-funciona-sem-o-cliente
  6. Aleksandr Kopelevich

    Currículo Duvida

    Sem dúvida alguma, você pode colocar o curso no currículo sim. O conhecimento você obteve. A melhor forma de provar é aplicá-lo na prática e no dia-a-dia da empresa. Se a empresa for chata e exigir um comprovante formal, diga que você entrará em contato com a instituição/escola que ofereceu o curso. Não se esqueça de personalizar seu currículo com uma carta de apresentação. Esta carta deve ser única para cada vaga para qual você se candidatar. Você pode baixar um exemplo de currículo e carta de apresentação aqui: https://blog.akop.com.br/modelo-carta-apresentacao-curriculos/
  7. Aleksandr Kopelevich

    Dica para melhorar seu currículo

    Fala pessoal! Quando eu busquei emprego nos EUA e Canadá, enviei muito currículos e não obtive nenhuma resposta. Quando conversei sobre isso com alguns nativos, descobri que os gringos simplismente não analisam CVs sem a tal da Cover Letter (Carta de Apresentação). Aqui no BR, isso não é requisito e nunca foi. Mas descobri que é uma coisa que faz você se destacar perante os recrutadores. Escrevi um modelo de carta de apresentação voltada para Devs e Designers. Se quiserem dar uma olhada, podem baixar o modelo em Word aqui: https://blog.akop.com.br/modelo-carta-apresentacao-curriculos/ Qualquer feedback, será muito bem-vindo! PS: se você for um freelancer e precisar enviar uma proposta comercial, dê uma olhada no meu artigo sobre como criar propostas comerciais + modelo em word.
  8. Fala pessoal! Hoje eu queria compartilhar um vídeo que gravei, falando um pouco sobre como é vantajoso personalizar a introdução do seu currículo para cada vaga. Eu mesmo costumava mandar CV's idênticos, independente da vaga. Mas comecei a ver diferenças gritantes, quando comecei a personalizar a introdução / objetivos do meu currículo. O vídeo é bem curto: Espero que seja útil!
  9. Aleksandr Kopelevich

    Descubra novos projetos

    Essa menssagem é para os desenvolvedores e apaixonados pela web no geral. Hoje comecei a cria um grupo de pessoas para divulgar e obter feedbacks sobre os produtos produzidos pelos BR's, principalmente para o mercado nacional. Tem muita gente de qualidade no mercado BR, mas a divulgação é no mínimo capenga. As notícias giram em torno de startups com investimentos de milhões e afins. Se não tiver isso, o cara é deixado de lado. Não é assim que a banda deveria tocar. Eu quero que os desenvolvedores, com seus produtos desenvolvidos sem investimentos milionários, tenham voz. Já sofri muito com isso e acho que ta na hora de mudar esse cenário. A ideia inicial é simples: você cadastra seu email se tiver um projeto, também insere esse site 1 vez por semana eu vou juntar os projetos e divulgar na lista de e-mails cadastrados todos poderão opinar sobre o projeto no email mesmo (ou num espaço tipo um fórum... ainda não decidi) Quanto maior o grupo, mais pessoas terão seus projetos avaliados. Mais feedback os criadores dos projetos terão. É empolgante, só de escrever isso. Postei um tweet sobre isso: https://twitter.com/kopelevitch/status/957906707816112128 Para se cadastrar na lista: www.akop.com.br Valeu galera. E seria alegal ouvir o feedback de vcs sobre essa ideia em si também.
  10. Fala pessoal! Eu publiquei uma dica sobre como limpar seu servidor Linux de tempos em tempos. A ideia é simples, basta rodar: find '/var/log/apache2' -mtime +6 -type f -delete Se quiser dar uma olhada nos códigos, escrevi um artigo para este vídeo: https://www.akop.com.br/posts/como-apagar-arquivos-antigos-do-servidor-usando-o-cron
  11. Aleksandr Kopelevich

    Opiniões sobre introdução ao Laravel

    Fala pessoal! Hoje publiquei minha primeira aula sobre o Laravel. É apenas uma introdução, mas todo feedback é muito bem vindo. A curiosidade é que eu queria fazer um curso prático, mas não queria fazer um blog, fórum ou uma to-do list para o projeto de exemplo. Daí vi uma thread da black friday no Reddit (r/brasil) e isso me deu uma ideia pro projeto: um site de listas para mostrar lojas e produtos que não tem desconto p**** nenhuma. Dêem uma olhada plz: http://www.youtube.com/watch?v=Lvv-KjJFKx0
  12. Fala pessoal! Por muito tempo eu apanhei na hora de fazer meus contratos. Geralmente uma proposta comercial bem detalhada, já matava meus problemas. Ocorre que comecei a pegar projetos maiores e tive que lidar com contratos, além das propostas. Fiz um artigo curto, dando alguns insights sobre contratos, para que outros não cometam os mesmos erros que cometi. Também coloquei um modelo de contrato para download em Word e Google Documents. https://blog.akop.com.br/modelo-de-contrato-para-prestacao-de-servicos-download-em-doc/ Aceito críticas e sugestões ;)
  13. Fala pessoal. Recentemente criei um modelo de apresentação comercial em PowerPoint. Gostaria de compartilhá-lo com a comunidade. Está em formato PPT e PPTX. O download é grátis, mas eu peço que divulguem para que eu mande o link com o .ZIP. Deu bastante trabalho para criá-lo, então acho justo a pessoa que for fazer o download, fazer algo por mim também. Basta divulgar o link do post em seu facebook, twitter, fórum ou blog. Aqui está: https://blog.akop.com.br/modelo-de-apresentacao-comercial-em-powerpoint-pptx/
  14. Aleksandr Kopelevich

    Como lidar com a lentidão do PHP na linha de comando. Exemplo: php artisan ...

    Eu também uso IMAP em um projeto. O restante dos projetos, não usa. Eu prefiro fazer os testes necessários no projeto que usa IMAP e desabilitá-lo para que a lentidão não me enxa o saco, quando estiver trabalhando nos outros projetos. Claro que desabilito o IMAP apenas no ambiente de dev. No ambiente de produção não teria lógica desabilitar o IMAP. Posso lidar com esta lentidão em produção, até porque quase quase não uso os comandos artisan lá. Minha dica serviu para que eu não quebrasse acidentalmente meu teclado por raiva da demora nos comandos artisan em ambiente dev, já que executo pelo menos 100 comandos destes num dia comum. Suas considerações foram muito válidas, Guilherme! Creio que adicionou bastante conhecimento a este respeito para o pessoal que consultar este post no futuro. Mandou bem!
  15. TL;DR; Solução para os comandos lentos: desabilite a extensão imap.so no seu php.ini -.-" Fala galera! Na verdade isso aqui não é uma pergunta, mas uma dica. Como não achei nenhum lugar do fórum somente para dicas, vou postar aqui, pois esse pode ser o problema de alguém no futuro. Recentemente migrei meu php para a versão 7.0 e habilitei quase todas as extensões no php.ini para brincar com ele. Esqueci disso e fui trabalhar normalmente. Como uso o Laravel em vários projetos, executo os comandos do artisan o tempo todo. Notei que para rodar um simples "php artisan route:list" estava demorando uns 5 segundos! Encontrei a solução lá no fórum do laracasts. Um colega disse para desabilitar a extensão imap.so. Resolvido!
×

Important Information

Ao usar o fórum, você concorda com nossos Terms of Use.