Jump to content
arthursanno

MySQL pegar o primeiro registro sem 2 filhoa (parent)

Recommended Posts

Possuo a seguinte tabela

CREATE TABLE IF NOT EXISTS `pool` (
  `id` int(11) NOT NULL AUTO_INCREMENT,
  `idPai` int(11) NOT NULL,
  `nome` varchar(100) NOT NULL,
  PRIMARY KEY (`idPool`)
) ENGINE=MyISAM AUTO_INCREMENT=7 DEFAULT CHARSET=latin1;

INSERT INTO `pool` (`id`, `idPai`, `nome`) VALUES
(1, 0, 'José'),
(2, 1, 'Maria'),
(3, 1, 'Carlos'),
(4, 2, 'Renta'),
(5, 2, 'Pedro'),
(6, 3, 'Gustavo');

No caso desse diagrama:

1
:: 2
:::: 4
:::: 5
:: 3
:::: 6

Quero fazer uma consulta SQL nessa tabela cujo me retorne o primeiro registros que NÃO possui 2 filhos. (no caso do diagrama seria o registro 3... e ao acrescentar mais um filho de 3, a consulta ia retornar o registro 4 agora)

 

Não sei se tenho que fazer consultas dentro de consultas. Preciso de orientação pra continuar o caminho do estudo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá!

 

Caso você precise consultar quando não possui nenhum filho, no caso os IDS 4, 5 e 6, você poderia fazer assim:

SELECT id
FROM pool p1
WHERE NOT EXISTS (
  SELECT idPai FROM pool p2 WHERE p1.id = p2.idPai
)

Indo nessa lógica, para restringirmos para os registros que não possuem 2 filhos para casar com o ID 3, poderíamos fazer assim:

SELECT id
FROM pool p1
WHERE (
  SELECT COUNT(1) FROM pool p2 WHERE p1.id = p2.idPai
) <= 1
LIMIT 1

 

Mas eu não acho que resolver esse tipo de questão diretamente no banco seja a melhor solução. Depende muito do que você precisa fazer.

 

Outro detalhe é que do jeito que seu banco está estruturado nesse momento, problemas de performance futuros seriam inevitáveis. Para contornar isso você deve criar um índice/chave na coluna idPai. Há um exemplo de SQL aqui:

https://forum.imasters.com.br/topic/562468-resolvido-estrutura-de-um-projeto-de-marketing-multinível-com-php-e-mysql/

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Olá Matheus. Obrigado por me responder.

 

Eu havia construido essa consulta, verifique:

SELECT *
FROM pool a
WHERE a.id NOT IN (select idPai from pool GROUP BY idPai ORDER BY idPai ASC)
OR a.id IN (SELECT idPai
				FROM pool
				WHERE id <> 1
				GROUP BY idPai
				HAVING COUNT(*) < 2);

O resultado seria a lista dos pais sem filhos e do pai com 1 filho.

Mas como a inserção é automática, ou seja, ele já faz a inserção no primeiro pai livre, então mudei para.

SELECT *
FROM pool a
WHERE a.id > (select idPai from pool ORDER BY idPai DESC LIMIT 1)
OR a.id IN (SELECT idPai
				FROM pool
				WHERE id <> 1
				GROUP BY idPai
				HAVING COUNT(*) < 2)
ORDER BY id ASC LIMIT 1;

Me sugere algo?

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pelo que entendi você está solicitando ao banco os pais com menos de 2 filhos (através da sua segunda subquery) e caso não existam, o último pai criado no sistema (sua primeira subquery), é isso?

Dessa forma você teoricamente teria o pai apropriado para a inserção do próximo filho na árvore.

 

Mas você ainda não está livre de cair na situação de todos os pais terem 2 filhos, inclusive o último pai (sua primeira subquery). Caso sua intenção seja de não permitir mais que 2 filhos, aqui haveria uma exceção, que provavelmente seria criar um pai virtual, por exemplo.

 

Além disso, não tenho certeza, mas acredito que dessa forma sua consulta seria mais performática:

SELECT *
FROM pool p1
WHERE
  (SELECT COUNT(1) FROM pool p2 WHERE p1.id = p2.idPai) <= 1
  OR
  id > (select idPai from pool ORDER BY idPai DESC LIMIT 1)

ORDER BY id ASC
LIMIT 1

 

Outra coisa que poderia ser feita é manter em cache a lista dos pais que ainda não possuem 2 filhos. Imagine essa sua segunda SUBQUERY:

SELECT idPai
FROM pool
WHERE id <> 1
GROUP BY idPai
HAVING COUNT(*) < 2

Basicamente ela faz isso: para todos os pais que não possuam ID 1, agrupe-os e remova os que possuirem 2 filhos ou mais.

Perceba que essa consulta será repetida múltiplas vezes, sempre que você precisar consultar o banco.

 

Sua consulta ficaria assim, se estes registros estivessem em cache:

SELECT *
FROM pool a
WHERE a.id > (select idPai from pool ORDER BY idPai DESC LIMIT 1)
OR a.id IN ( 3 )
ORDER BY id ASC LIMIT 1;

Eu apenas copiei sua consulta e substitui a segunda SUBQUERY pelo id 3, que é o resultado da consulta quando executada.

 

Isso você poderia fazer com MATERIALIZED VIEW ou cache a nível de aplicação (APCu por exemplo, se estivermos falando de PHP).

 

De resto, acho que está tudo ok, mas iria sugerir de você popular melhor sua tabela para testar melhor sua consulta. Algo como uns 20 a 30 registros, pelo menos. Isso iria prover uma maior confiabilidade no desenvolvimento.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Citar

Pelo que entendi você está solicitando ao banco os pais com menos de 2 filhos (através da sua segunda subquery) e caso não existam, o último pai criado no sistema (sua primeira subquery), é isso?

Dessa forma você teoricamente teria o pai apropriado para a inserção do próximo filho na árvore.

A inserção do novo registros será sempre no primeiro pai disponível.

 

Ex:

INSERT INTO `pool` (`id`, `idPai`, `nome`) VALUES
(1, 0, 'José'),
(2, 1, 'Maria'),
(3, 1, 'Carlos'),
(4, 2, 'Renta'),
(5, 2, 'Pedro'),
(6, 3, 'Gustavo');

Nesse caso o primeiro pai disponível é o 3 (Carlos), porque ele não possui 2 filhos (somente 1). Ao acrescentar mais um filho nele, o primeiro pai disponível é o 4 (Renata), cujo não possui nenhum filho, ao acrescentar mais um filho, Renata ainda será o primeiro pai disponível pois ainda não tem 2 filhos...

INSERT INTO `pool` (`id`, `idPai`, `nome`) VALUES
(1, 0, 'José'),
(2, 1, 'Maria'),
(3, 1, 'Carlos'),
(4, 2, 'Renta'),
(5, 2, 'Pedro'),
(6, 3, 'Gustavo'),
// Acrescentando novo filho em 3 pq ele só tem 1 filho é o primeiro pai disponível
(7, 3, 'Igor'),
// Acrescentando novo filho agora em 4, pq 3 já possui 3 filhos e 4 nenhum filho 
(8, 4, 'Jerry'),
// Acrescentando novo filho, ainda em 4 pq 4 não possui 2 filhos
(9, 4, 'Bárbara'),
// Acrescentando novo filho, agora em 5 pq 4 já possui 2 filhos
(10, 5, 'Rebeca');
...

 

 

Nessa query que montei, ele me retorna sempre o PRIMEIRO PAI DISPONÍVEL

SELECT *
FROM pool a
WHERE a.id > (select idPai from pool ORDER BY idPai DESC LIMIT 1)
OR a.id IN (SELECT idPai
				FROM pool
				WHERE id <> 1
				GROUP BY idPai
				HAVING COUNT(*) < 2)
ORDER BY id ASC LIMIT 1;

Uso esse para pegar o ID do primeiro pai livre e adiciono automaticamente o novo registro nesse pai.

 

http://www.sqlfiddle.com/#!9/67fdf2/1

 

 

Sim, estarei usando PHP.

Share this post


Link to post
Share on other sites
37 minutos atrás, arthursanno disse:

Nessa query que montei, ele me retorna sempre o PRIMEIRO PAI DISPONÍVEL 

Aí que tá. Na primeira query que postei é exatamente isso que é feito também.

 

Então, ao menos que essa query não lhe atenda por alguma razão ou esteja funcionando incorretamente, acredito que ela seja a melhor opção para você, levando em consideração que possui menos código e performa um pouco melhor (no seu fiddle dá para notar a diferença em ms na execução):

SELECT *
FROM pool p1
WHERE (
  SELECT COUNT(1) FROM pool p2 WHERE p1.id = p2.idPai
) <= 1
LIMIT 1

Aqui retorna: #5 | 2 | "Pedro", assim como as demais consultas.

 

 

O mesmo serve para a consulta que você elaborou. Ela é uma boa opção se retirarmos a primeira condição do WHERE, que eu acredito que esteja ali sem necessidade.

Nesse caso teríamos isso, que é muito parecido com o que eu fiz, mas utilizando o IN/GROUP/HAVING como alternativas ao depenent subquery:

SELECT *
FROM pool a
WHERE a.id IN (
    SELECT idPai
    FROM pool
    WHERE id <> 1
    GROUP BY idPai
    HAVING COUNT(*) < 2)
ORDER BY id ASC LIMIT 1;

Essa consulta gera o mesmo resultado também. Tudo certo.

 

Entende onde eu quero chegar? Ao menos que eu não tenha entendido alguma coisa, acredito que essas consultas fazem o que você precisa, mas esse pequeno trecho é desnecessário e pode ser removido. Estou me referindo a isso aqui:

[...] a.id > (select idPai from pool ORDER BY idPai DESC LIMIT 1) OR [...]

 

Mas que bom que está resolvido. Você mesmo solucionou a questão :)

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

  • Similar Content

    • By PToledo
      Olá Pessoal, preciso criar uma tabela exibindo F(falta) ou P(Presença) ou A(Abono)
      Para os 12 meses do Ano..Para os 31 dias do MES
       

       
      Minha tabela no mysql
       

       
      Gostaria de criar um select, já criando a linha mensal (jan, Fev...) e preenchendo os dias com presença P ou A abono.
       
      Quem puder me ajudar agradeço.
       
       
       
       
    • By PToledo
      Olá Pessoal, preciso criar uma tabela exibindo F(falta) ou P(Presença) ou A(Abono)
      Para os 12 meses do Ano..Para os 31 dias do MES
       

       
      Minha tabela no mysql
       

       
      Gostaria de criar um select, já criando a linha mensal (jan, Fev...) e preenchendo os dias com presença P ou A abono.
       
      Quem puder me ajudar agradeço.
       
       
       
       
    • By Juliana dos Santos
      Oi gente, 
       
      Eu tenho uma tabela no banco de dados do snowflake que é atualizada por um flat file que é atualizado a cada quinze dias; Sempre que os dados são atualizados nesse flat file ele sobrescreve as informações anteriores e assim não temos histórico dos dados que estavam no banco antes da ultima atualização, isso esta causando uma dor de cabeça por que sempre que ocorre algum erro não temos como voltar para o resultado anterior e o flat file tem que ser refeito por algum analista.
       
      As configurações do banco de dados foram feitas em Sql, enquanto o esquema que rodam para jogar as informações do flat file para a tabela do banco esta em python.
       
      Eu acabei de chegar a essa área e herdei essa criança e tenho pensado em como resolve-lo e criar uma nova tabela que não sobrescreva mas sim empilhe as informações, porem existe uma grande pegadinha nesse processo, esse flat file é atualizado muitas vezes até que ele chegue a sua "versão final" que é utilizada para o fechamento, esse fechamento que não acontece sempre no mesmo dia. Para que o histórico seja confiável ele não pode empilhar os dados toda vez que atualizarmos, apenas quando realmente for fechado.
       
      Vocês conseguem me ajudar? O que devo fazer? Criar um fluxo com algum trigger? mudar a forma que o flat file é alimentado?
       
      Me ajudem a enxergar algum caminho para resolver o que foi criado antes da minha chegada
       
      Desde já agradeço,
      Um beijo e um queijo.
       
      Ju
    • By Carlos Antoliv
      Senhores, bom dia.
       
      tenho um campo status. Então, a ideia é mudar o status. Consigo alterar o status quando necessário. Daí, pensei em todas vez que alterar, salvar o id do usuário, data, hora, o último status alterado...
      consigo fazer isso com INSERT, depois do UPDATE.
       
      Nao uso trigger. Até tentei fazer, mas não saiu como eu queria.
       
      Então, para os maiores entendedores do assunto, a melhor prática seria a TRIGGER ou INSERT ? Melhor prática ou o que mais funciona na prática ?
       
      Alguém poderia dissertar sobre isso ?
      Vlw..abço
    • By Marcones Borges
      Olá, estou precisando de uma ajuda...
       
      Tenho duas tabelas
      ministros
      entradas
       
      Preciso exibir a lista dos ministros que não contam no relatório gerado em entradas.
       
      Fiz assim a combinação.
       

      $sql = "SELECT ministro.id, ministro.area, entrada.beneficiario, entrada.id_benificiario, entrada.id_benificiario, entrada.tipo_lancamento FROM ministro INNER JOIN entrada ON ministro.id = entrada.id_benificiario WHERE ministro.area = entrada.area_beneficiario AND ministro.nome = entrada.beneficiario AND entrada.id_benificiario='[{$id_exer}' AND entrada.tipo_lancamento='ministro'  "; $stm = $conexao->prepare($sql); $stm->execute(); $clientes = $stm->fetchAll(PDO::FETCH_OBJ);
       
      Fiz as combinações direitinho mais não consigui exbir os que estão na tabela ministro e não estão na tabela entrada.
×

Important Information

Ao usar o fórum, você concorda com nossos Terms of Use.